top of page
Buscar
  • Foto do escritordaniputnoki

Para que Constelar?

Atualizado: 16 de out. de 2023

Todos nós temos dificuldades em prosperar em alguma área da vida, por exemplo relacionamentos amorosos, familiares, finanças, realização profissional e até questões intrapessoais como autoconfiança, autocuidado, amor próprio.


Mesmo buscando caminhos e soluções práticas para resultados diferentes, pode ser que sinta que seu esforço é desproporcional, para algo que parece simples de resolver (ou que para os outros é fácil e para você não), ou perceba que algo trava e você acaba vivendo a mesma desilusão em cenários diferentes.

Sabia que medos, solidões, frustrações, mágoas, ressentimentos, alegrias reprimidas, dores que não puderam ser processadas, vividas por nós ou nossos antepassados ficam gravadas em nosso campo inconsciente? E que isso molda nossas crenças e comportamentos? Por isso, sem nem saber "porquê, onde e como", ficamos presos nesses padrões e dificuldades em nossas vidas.


"Até você se tornar consciente, o inconsciente dirigirá sua vida e você vai chamá-lo de destino" Carl G. Jung

Agora imagine poder ver na sua frente, de forma concreta e compassiva, como esses sentimentos e dinâmicas ocultas estão internalizadas por você. É isso que acontece na Constelação! Podemos ver, sentir, compreender e incluir com Amor aquilo que está excluído dentro de nós e do nosso sistema familiar. É impressionante perceber que a imagem que temos da relação com nossos pais, avós, bisavós é diferente do que nos revela nosso campo inconsciente. É a partir da consciência e da compaixão que podemos iniciar nossa transformação e escolher construir novos passos com o coração leve! Podemos soltar a resistência e abrir espaço para que as dores sejam vistas, incluídas e liberadas. Com isso, também podemos reconhecer e usufruir das potências que estavam encobertas por essas dores.

Como assim potências encobertas por dores? Forças, dons e potências de nossos ancestrais também ficam disponíveis em nosso campo inconsciente. Como buscamos não olhar para nossa dor para nos proteger dela, ignoramos tudo o que compõe sua história e os recursos que nos ajudam e ajudaram nossos antepassados a "sobreviver apesar da dor".


Ou seja, com o processo da Constelação Familiar passamos a nos enxergar com mais amplitude e amorosidade, libertando dores e sentimentos ocultos e reconhecendo com mais nitidez nossas forças e potências para prosperar na área em que desejamos.

Qual é a área que você gostaria que fosse mais leve e fluida na sua vida? Vamos constelar? Clique aqui e Agende sua sessão! P.S.: Nesse artigo compartilho uma das formas de compreender como a Constelação nos apoia. Se ficou com alguma dúvida, entre em contato.

Daniele Putnoki Consteladora Familiar, Facilitadora de Comunicação Não Violenta e Profissional Trauma-Informed



37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page